Soluções de energia stand by através do paralelismo de geradores



08 x QAS550 (3,5MW) OPERANDO EM PARALELO COM TRANSFERÊNCIA EM MÉDIA TENSÃO


Alguns projetos de back-up de energia podem se beneficiar de uma combinação estratégica entre baixa voltagem e média tensão. Em vez de usar alternadores de média tensão, é possível configurar um sistema no qual a geração de energia é realizada em baixa voltagem (≤ 600 V) juntamente com o paralelismo entre geradores, simplificando a instalação e aumentando sua segurança. Essa é uma escolha de excelente custo benefício para vários níveis de potências, na medida em que o paralelismo confere modularidade à solução. Neste sentido, podemos citar por exemplo os modelos de geradores de energia portátil a Diesel da Atlas Copco, modelo QAS 550, que podem ser combinados em paralelo com até 16 unidades, o que permite atingir até 7 MW. Uma pequena usina de energia capaz de atender a demanda de toda uma planta industrial.

Neste exemplo, o paralelismo entre os geradores é gerenciado por um controlador micro processado modelo QC4002, dentro do conceito denominado Power Management System ou PMS, onde os geradores são ligados/desligados automaticamente de acordo com a demanda de carga. O balanceamento entre os módulos geradores traz uma série de benefícios, entre os quais podemos destacar:

- redução de emissão de co2

- otimização no consumo de combustível

- redução no nível de ruído

- redução na manutenção dos geradores



Controlador microprocessado capaz de gerenciar até 16 geradores de energia como se fossem uma única máquina.


“Este tipo de configuração também proporciona maior segurança e vida útil dos equipamentos do sistema elétrico, pois além de reduzir as chances de curto-circuito e incidentes de flash do arco durante a transferência. A maior tensão resulta em baixa de corrente, o que, por sua vez, significa menos condutores para distribuir a energia. Quanto menor o número de condutores, menor a quantidade de cobre utilizada, reduzindo assim os custos de condução, instalação e quadros. O resultado são ganhos econômicos e também para o meio ambiente.” - Comenta o Eng Antonio Tozzato Jr – Analista de produtos da Atlas Copco Power Technique.

O custo do cobre tem aumentado constantemente nos últimos anos. Empreiteiros, engenheiros e técnicos procuram reduzir a quantidade de cobre nas linhas de alimentação e cabos de linha no sistema de distribuição. Segundo a lei de Ohm (V = IR), quanto maior a corrente de carga e a impedância do condutor, maior a queda de tensão. Em tais casos, no caso de a fonte de energia ser de baixa tensão com linhas de alimentação longas, os alimentadores tendem a ser grandes para cobrir as perdas devido à impedância do condutor, o que elevam os custos dos materiais necessários na execução do projeto, além de todos os investimentos relacionados ao tempo de execução tais como mão de obra, instalação, encargos e taxas administrativas.

Para dimensionar um projeto de back-up de energia com paralelismo em média tensão, é importante sempre consultar profissionais especializados neste tipo de solução, que exige a correta combinação e dimensionamento de equipamentos, sistemas de distribuição e controladores de paralelismo. Nosso blog está à sua disposição para colocá-lo em contato com esses profissionais, através de nosso formulário de solicitação técnica.

 

 
Loading
Conheça Nossos Canais:








 

VÍDEOS EM DESTAQUE

Assista o vídeo
Atlas Copco - Compressores de ar portáteis - Hard Hat (Carenagem reforçada)
Assista o vídeo
Atlas Copco - Compressores de ar portáteis - Hard Hat (Carenagem reforçada)
 

Sobre o blogER

O blogER, é um blog feito para engenheiros e profissionais da construção civil. Para saber as novidades do setor de energia portátil, entre no nosso blog, e também nos acompanhe nas redes sociais.

 
 

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Nome:

E-mail:

Telefone:

Comentário: